Marcos Mion

Marcos Chaib Mion

¤ 20/06/1979 -  † 13/04/2010
Cara-de-pau legendário

Epitáfio: “A tentação mais perigosa: não se parecer com nada”
(Albert Camus)

Aí está. O novo projeto de Marcos Mion estreou neste último sábado (10) e provou, para quem ainda duvidava, a enorme capacidade da Record de erigir grandes torres de expectativas que só conduzem aos patíbulos de decepções ainda maiores, como antes ficara muito bem exemplificado no caso da ultrajante ‘A Fazenda’.

Não é que se esperasse algo digno de um Emmy Award mas o que se apresentou como a ‘grande nova boa coisa’ da televisão ao sul do Equador – ”Legendários“, não convenceu e ao que parece, se nenhuma correção de rota ocorrer urgentemente, não será digno sequer de um ‘Melhores do Ano do Faustão’ em toda a plenitude de sua insignificância.

É preciso observar que ‘Mionzera’ gozava de meu sincero respeito por ter aberto as portas da decadente MTV Brasil à uma nova linguagem, oxigenando-a em sua relação com o público e rompendo com o paradigma vigente à época, o dos VJ’s com aquela postura ‘eu-sou-eu-estou-eu-posso-vocês-não’.

Porém, no recém lançado programa Mion assumiu-se traidor da malemolência que construiu sua imagem, levando para o túmulo consigo os últimos remanescentes da espontaneidade na televisão a saber, João Gordo e a trupe humorística Hermes & Renato que, mesmo aleijados pelo formato do malfadado programa, ainda conseguem ser a parte que se salva do desastre (ironicamente, o quadro de apresentação dos ex-H&R faz menção a um desastre. Premonição?).

No programa, Marcos Mion, que atolou numa tal ‘vibe do bem’ (de quem?), perece por se colocar como o mestre de cerimônias, patrão, ‘criador, diretor geral, apresentador do projeto’ (sic) e paladino de todas as boas intenções que salvarão a humanidade em contraposição ao anti-herói carismático e iconoclasta que sempre personificara.

O projeto escorregou definitivamente na maionese ao escalar o faz-tudo Gui Pádua que ainda insiste em tentar nos vender como conteúdo a sua tão-somente insana busca pelo recorde mundial das ‘Pautas e Saltos Mais Desinteressantes do Mundo’.

Cometeu-se ainda o engano fatal de incluir no elenco a insípida ex-BBB-sei-lá-qual-edição Jaque Khuri, que por sua leprosa inexpressividade já compromete todo o restante do elenco. Mas, que portas afinal resistiriam ao bate-bate de um belo par de coxas, não é mesmo?

O outro ‘ponto alto’ dos equívocos do programa é o quadro protagonizado por Miá Mello. Sua personagem, Teen-a, apresentada como um hype entre os adolescentes, em minha humilde análise, não transcende a própria Miá em todos os seus trejeitos e paspalhices de quem, na impossibilidade de ter uma habilidade que seja, recorre ao desesperado recurso de caricaturizar todos os próprios defeitos (fez a escola de Sabrina Sato?).

Já em sua primeira edição, o programa mostrou seu viés corporativista ao exibir uma entrevista concedida a retardada Teen-a (Miá) pelos exterminadores da música caipira, Chitãozinho e Xororó, estes respectivamente, tio e pai do impensável compositor da trilha sonora do programa, Junior Lima, aliás amigão de Mion desde os nebulosos tempos do seriado Sandy & Junior, da Globo. Essas panelinhas são mesmo o Ó do borogodó!

‘Legendários’, por tentar ser uma mistura de TUDO, não foi além de idéias desfocadas e pouco inovadoras que contrariam a ‘revolução’ apregoada em seus press-releases. É um engodo.

Mion, por perseguir o objetivo de ser MUITO, reduziu-se a esse NADA que justifica seu sepultamento ‘a frio’.

Material Relacionado:
Toda a competência de Jaque Khuri
Wallpaper exclusivo Legendários do Além

Atualizações:
Legendários: Sai o listão com os primeiros demitidos
– 12/07/2010
Mion e João Gordo teriam brigado nos bastidores de “Legendários” – 19/07/2010

Post scriptum:
1.) Com mais de um mês de atraso, a revista Veja traz matéria sobre o que este humilde coveiro já havia detectado nos primeiros instantes: Sacrilégio de fachada
– 19/05/2010


About these ads

108 Respostas para “Marcos Mion

  1. É, Marcos Mion já fez sucesso, assim como Roberto Carlos. Agora vamos admitir o quanto difícil uma pessoa continuar fazendo sucesso. Marcos Mion, em seu programa antessequente, sempre tinha ibope dos jovens, pois realmente tinha criatividade em seus programas. Eu considerava o melhor programa de humor da TV. Mas, com esse novo programa que está sendo transmitido, parece que deu uma despencada geral. Que que houve Mion que vc e seu irmaozinho gêmeo tornaram seu programinha novo tão insípido? E realmente, não só para novos apresentadores de TV assim como para musicos: precisa-se ter criatividade, precisa mostrar serviço. Hoje seria o ultimo programa que assistiria na TV. Preferiria até as novelas da Globo a assistir seu programa. Onde está a criatividade de nossos artistas e de todos aqueles que se expõem na TV?

  2. Q triste essa decadencia do Mion d e programas ridículos anteriores mas suportáveis a esse fim degenerativo =/
    Sinto falta do covernation aonde realmente ele tinha um programa decente e não um lixo midiático como esse do qual me dói os olhos ao assistir. Se antes eu pouco assistia a TV agora nem ao menos me dou ao luxo de ver o que se passa, nem ao menos assisto mais CQC

  3. Li quase todos os comentários e só gostaria de sugerir ao Modulae que
    troque a fronha do Mickey por algo do tipo: Turma da Mônica,o que acha?
    Até porque,você parece ter um pouco da personalidade do Cebolinha. Seja pelo menos patriota,Modulae!

  4. Bons tempos aqueles, em que nossos ancestrais viviam nas cavernas, tentando “fazer fogo” lascando uma pedra na outra e pintando desenhos rupestres e felizes nas paredes de seu lar cavernoso…………….!

  5. Pesquisando mais profundamente sobre o referido documentário fiquei estarrecido. O estupendo Simon Hartog já é falecido. Privando-nos de “Muito Além do Cidadão Kane II”. Lastimável… enfim, que venha outro Simon.

  6. Olha eu aqui mais uma vez amigo Coveirinho.
    Bem, a emissora do Macedo está conseguindo cumprir muito bem seu papel (se valendo da mais descarada mimese, literalmente). Ela colocou na cabeça que quer ser a Globo e nesse primeiro momento mostra que vem com força total. Conseguiu produzir uma MERDA tão qual, ou melhor, que a emissora Carioca. Se pega uma fórmula de “sucesso” pré-existente, contrata a mão de obra do objeto a ser copiado, oferece um pomposo salário (pago pelos fiéis miseráveis deste pindorama) e pronto! Temos ao invés de uma emissora de merda, duas. Mudamos de canal, mas parece que estamos vendo a mesma coisa. Cenários iguais, falar de si com pompa idem gabar-se de seus equipamentos de última geração e que custaram tufos de dólares (também pagos pelos mesmos fiéis, deste pindorama, já citados)… Necessitamos, urgentemente, que Simon Hartog, responsável pelo transcendental documentário televisivo britânico “Muito Além do Cidadão Kane” exibido em 1993 em uma rede televisiva pública do Reino Unido, surja com o “Muito Além do Cidadão Kane II” onde a emissora do Bispo deverá figurar, no mesmo nível, concorrendo com a Globo. Nessa situação o que mais me intriga é saber que o canal da Barra Funda comprou os direitos do documentário que desvela os truques de manipulação da toda poderosa TV Globo. Um verdadeiro paradoxo. Como posso criticar e ir contra ao que quero ser??? Com relação ao falecido, esse subiu no telhado e o Mion miou pela última vez… que descanse em paz.

    • Caro Cicinho,
      até recentemente minha visão era a de que não existia mercado, neste chão, para duas emissoras com o tamanho e o poder da emissora dos Marinho. Poder este que, como você aponta, já se transfere para a emissora do bispo. Imaginava que nossa estrutura social, já tão combalida, entraria em colapso com TANTA MERDA.
      Por isso, via até com certa simpatia essa guinada da Record – contra a Globo apoio até o capeta!
      O tempo passou e a minha compreensão de que já vivemos a plenitude de um colapso me deu a noção de que o nativo dessa terra é insuperável em sua capacidade de tolerar mais e mais MERDA e decepcionado, chego a conclusão de que não importa se a MERDA é SECA ou é MOLE: é sempre MERDA.
      Mas, segue a luta para mudar a mentalidade de quem realmente paga a conta do descalabro: O pacato e incauto CIDADÃO que continua com seu carnê das Casas Bahia em dia.

  7. Coveirinho, concordo com algumas de suas patéticas palavras, patéticas sim, pois só quem não tem o que fazer perde tempo assistindo a um programa que não vai querer gostar, e que após o programa, com as idéias já pré concebidas, irá escrever esse tipo iracundo de post, que claro, sempre encontrará eco nos Globistas de plantão, tão sequiosos para aplaudir qualquer crítica direcionada aos produtos da Record.
    A jaque khoury é gostosa e tal. ponto pra você, se é que você gosta do material… pois foi uma contratação indevida, ela é profundamente inexpressiva, tem uma voz anasalada, sem expressividade, não tem fono que conserte, ou seja pura falta de talento, pois seus quadros são constrangedores, mas vá, sinta inveja, ela deve dar pra alguem lá pra continuar no programa… coisa que você nunca vai poder ter… O paraquedista tem momentos bons e ruins, mas você já assistiu o casseta e planeta? eles são muito ruins e estão já velhos e caquéticos fazendo as mesmas coisa há séculos, humor? não … Por que o legendários não pode encontrar o seu ponto de equilíbrio? por que eles não podem ter um tempo pra se ajustarem? por que eles não podem ter uma chance? não seja mal coveirinho, e dê uma boa olhada no que a sua santa patroa a toda decadente globo está fabricando e fracassando …

    • Pelo menos o casseta e planeta é amparado por uma audiência que se equivale ao do zorra total e que segundo os dados do ibope superam em 60 pontos o tal legendários. Bom, agora com fatos e dados a questāo pode ser setenciada. Se vc assistir ao programa todo por caridade, melhor doar sopa aos pobres no horário do programa.

  8. quando é que os apresentadores da mtv vão aprender que a tv aberta esta falida (you tube e outras midias só tendem a crescer).e que pra eles o unico formato é o formato ultrapassado globo.

  9. Esse é outro que está fazendo mais do que aniversário,na t.v. brasileira!
    Mas não adianta ela não larga o osso,pois se acha engraçadissimo,talentosissimo,bonitissimo e tanto outros issimos…
    O que uma boa familia com grana não faz pelo filho querido mas sem graça p/ não ficar em casa enchendo o saco!
    Ps:Deixe de ser chato,o meu!

    • Eis a importância de uma boa educação dentro de casa, Marcão!
      O menino aí acreditou em TUDO o que os pais dele diziam e agora a sociedade é quem tem de arcar. Lamentável!

  10. Já estou até vendo o Mion, quando essa porcaria chamada de Legendários for pro saco, alegando que o programa que ele queria fazer era muito diferente e que foi censurado pelos partores da Rede Record e blá, blá, blá,…
    Não admitir a própria INCOMPETÊNCIA e jogar a culpa pelo fracasso nas costas dos outros deverá ser a saída mais fácil.

    “Humor do Bem”????!!!! Já vai tarde, e muito tarde.

  11. Coveiro, curti muito seu texto. Concordo com todas as suas palavras. é um programas que está fadado ao esquecimento. Como moro nos Estados Unidos, ainda não tinha tido o infortúnio de assistir ao Legendários. Pedi para um amigo gravar e depois colocar em um desses sites de armazenamento para poder ver. Para ser sincero, o nome só pode ser uma ironia, pois de legendário esses programente fajuto não tem nada. Não passa de uma mistureba de fórmulas que deram certo.
    O programa em si é triste, é uma bagunça total. Não dá para se concentrar em uma única coisa. Enquanto mion apresenta, os outros ficam falando em cima como um bando de lavadeiras discutindo na beira de um rio. Só quem consegue salvar o legendários é a trupe de Hermes e Renato, que apesar de ser uma sombra do que era quando estavam na MTV, ainda conseguem ser infinitamente melhores que todo o elenco do programa juntos.
    Sem tirar o marcos mion, depois daquela palhaçada com o guns n roses, está em completo descrédito. Ele deveria se aposentar e ficar apenas cuidando de seus empreendimentos, e deixar a televisão para quem sabe.
    Como sugestão, poderia fazer o enterro do Hermes e Renato também, já que eles venderam a alma ao diabo para irem para a tv aberta e, ao que parece, vão padecer do mesmo mal do mion

  12. Sra. Zélia Cardoso de Melo:
    Qual o problema em usar “sonoplastia” em minhas argumentações? Estou escrevendo COMENTÁRIOS no blog, e não mandando uma carta pro Presidente da República.
    Por sinal, a senhorita usou no seu lindo texto, expressões como: “Urg”. Além de “”Qta pobreza!” . Olha o telhado de vidro querida!! Heloo???

  13. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Grande Lídio Mateus!
      Eis aí um genuíno ídolo que continua firme em seu trabalho em nome da arte e da diversão nonsense.
      Agora aprendeu a editar no Premiere! Essa molecada…

  14. Ah, mas tinha que ter distração, não tinha? Essa é clássica no Brasil… Como é que alguém vai pensar em algo além daquele monte de pernas dançando no meio de um monte de coitados sem noção que não sabem nem pra quem ou o que estão aplaudindo?
    Legendários? Onde? Sabe, é nessas “coisas” que vejo o motivo pelo qual recuso-me veementemente a ter televisão maculando a minha casa.

    • Ei, Carol.
      Fazia tempo que não aparecia, hu?
      A televisão, como meio de comunicação é importante. No entanto, têm se transformado num importante meio de difusão da mediocridade.

      • Pode até ser, Coveiro querido, mas eu ainda prefiro comprar revistas e jornais na banca. Só assim eu posso escolher que propaganda quero ver (SE quero…) e saber que meu dinheiro foi bem gasto.
        Ah, e ainda ajudo meu amigo dono da banca! Isso é mais importante que assistir ao Papito (eu concordo que, por um motivo ou outro, Supla e Mion são meio que mesclados na lembrança).
        E não te abandonei, não. Vez por outra passo pra dar uma lidinha nas matérias (você tá importante!). É que só agora resolvi comentar =)

  15. Caro Coveirinho:
    Ontem eu acordei tarde (até babei na minha fronha de Mickey Mouse e tive que trocar por outra do Pato Donald!) e, ao invés de ir alimentar os peixinhos (minha mãe até meu deu uma bronca por isso e eu passei a tarde toda chorando, porque ninguém me entende!), fui pra frente da televisão. Casualmente, zapeando pelos canais, passei pelo Hoje em Dia da Record e quem estava lá? Quem? Quem? Claaaaaro, o nosso amigo Minhonzinhu, falando do programa dele!

    Daí, como o cara está em epígrafe – ele só podia estar falando do programa dele, lógico! – parei pra ver se tinha perdido muita coisa (já que não consegui até agora assisti-lo)…

    PORRA! O cara elaborou toda uma arquitetura maluca pra fazer um raio-x do preconceito no Brasil (talvez apenas em São Paulo, sabeDeus!). Olha que tema original, Coveirinho! Até parei de chorar porque ninguém me entende e comecei a chorar de emoção! E lá se vai arapuquinha pra passar negro pelo sensor da loja de roupas e o segurança vir interpelá-lo (só porque é negro!); e lá se vai a massagem oferecida por uma loira e por um gay só pra se constatar que todo mundo prefere a loira ao gay, e bibibi, e bobobó e clichê aqui, mais clichê acolá…

    É ISSO que o Minhonzinho está produzindo? Ora, ainda bem que não perdi meu precioso tempo assistindo a semelhante estupor. Se os demais programas do nosso papito (não sei o porquê, mas acho que ele e o Supla são a mesma coisa!) forem no mesmo nível, então só estamos com um João Kleber mais jovem e menos queimado na telinha! Quando ele começar a fazer testes de fidelidade com atrizes gostosas, daí talvez eu perca meu tempo apreciando um bundão bonito (sou pobre e não tenho TV a cabo!)! :-)

    Agora vou dar comida pro Totó (minha mãe já alimentou os peixinhos enquanto eu vinha aqui escrever)!

    Grande abraço e até o próximo enterro!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s