Campanha de Boicote ao Big Brother Brasil 2014 (com uma vingança)

Como já é tradição venho anunciar o lançamento de mais uma campanha totalmente inútil contra o “Big Brother Brasil”, edição 2014.

Mais uma vez o objetivo da campanha é marcar uma posição branda e individual de repúdio ao nefasto reality show, mas além disso e talvez mais importante que isso, apresentar a fatura àqueles engajados cidadãos que fizeram pouco mais que apenas a alegria dos fabricantes de vinagre,  sucrilhos e smartphones durante os protestos da frustrada “Primavera Brasileira” do ano passado.

Sem a intenção de melindrar ou impor qualquer tipo de doutrina a quem quer que seja é uma tentativa muito provavelmente inócua de resgatar a coerência residual daqueles que, naufragando no mar de seus próprios equívocos, transformaram a oportunidade num patético carnaval fora de época, num deprimente “rolezinho” embalado por slogans e palavras de ordem que ultrapassaram as fronteiras conhecidas da lucidez.

O cinismo incômodo dessa campanha reside nessa disposição de confrontar o utilitarismo canceroso dos vândalos da razão que no ano passado queriam mudar até as próprias Leis da Física e que, agora, cedendo ao chamamento de sua estupidez característica, acompanharão atentamente as afrontas à cognição perpetradas pelos vinte “herois” da “casa mais vigiada do Brasil” em tempo real (alguns até pagarão por isso).

Dessa forma, fica então o desejo implícito de que o sucesso comercial do “BBB 14” seja a materialização da derrota ideológica, ética e, por fim, existencial, daqueles que agem, vivem e morrem por convicções alugadas, ideias descartáveis e verdades incutidas. Que esse triunfo da mediocridade que o “Big Brother” representa seja uma mácula nas bandeiras e consciências desses “mesmos de sempre” que padecem tanto dessa mórbida incapacidade de mudar até pequenos hábitos.

E vamos tocando a vida porque o sucesso é consequência do processo.

Espalhe por aí! (Clique na imagem para ampliar)

Uma resposta para “Campanha de Boicote ao Big Brother Brasil 2014 (com uma vingança)

  1. Inútil, talvez, mas sempre necessária esta campanha, que guardadas as devidas proporcões já quase equipara-se ao referido “programa” em número de ‘ediçoes’.

    Acho que é, como dizia uma antiga estória chinesa, as forças devem sempre estar balanceadas, então como todo mundo adora este “programa de confinamento voluntario televisivo”, faz-se necessário a antítese, a oposição a este deserviço que é o tal “programa”…

    Quantos mais “programas” vierem, quantas mais serão tambem as manifestaçoes contrárias a ele, pelo menos, de minha (nossa) parte.

    Quando precisar de ajuda, é só chamar!

    Curtir

Atire uma pá de cal (comente!)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s