Dado Dolabella

Carlos Eduardo Bouças Dolabella Filho

¤ 20/07/1980 – † 28/10/2010 Pacifista

Epitáfio: “Tu, pessoa nefasta/Vê se afasta teu mal/
Teu astral que se arrasta tão baixo/No chão”
(Gilberto Gil)

Produto moldado na série que há 15 anos tem sido o buraco negro de onde escapam personagens cuja presunção não cabe em nossa realidade dimensional – a hermética Malhação – Dado Dolabella é um personagem de si mesmo que já nasceu sob o signo da canastrice que transcende parâmetros. Continuar lendo

Junior Lima

Durval de Lima Junior

¤ 11/04/1984 –  † 10/06/2010
Irmão profissional desempregado

Epitáfio: “Só se perde a liberdade por culpa da própria fraqueza”
(Mahatma Gandhi)

Os fãs de Sandy & Junior ficaram perplexos quando, em 2007, a dupla anunciou seu divórcio artístico e não entenderam que essa separação não se deu por motivo outro além daquele de sempre: dinheiro! Continuar lendo

Sabrina Sato

Sabrina Sato Rahal

¤ 04/02/1981 –  † 01/06/2010
Musa dos motoboys de segunda linha

Epitáfio: “Não há nada tão equitativamente distribuído
no mundo como a inteligência: todos estão convencidos
de que têm o suficiente”
(René Descartes)

No fim dos anos 80 havia um programa humorístico genial, chamado TV Pirata, no qual o ator Ney Latorraca, interpretava o personagem Barbosa, um velhote malandro e senil que repetia o final das frases alheias ou as pontuava com seu famoso ‘Ba-bosa!’. Continuar lendo

Mulher Moranguinho

Ellen Cardoso

¤ 13/07/1981 –  † 20/05/2010
98 de busto, 75 de cintura
e 117 de competência profissional

Epitáfio: “A fruta podre, quando não descartada,
estraga todas as outras do cesto”
(Dito popular ancestral)

Meus informantes infiltrados nos mais diversos alcoices de mídia não souberam, ou não puderam, confirmar os dados civis desta robocópica presença que se identifica sob a alcunha de Ellen Cardoso e não apresenta RG na entrada por corretamente supor que sua fama lhe precede e abre portas, mesmo que dos fundos, das latrinas que não resistem a três minutos de liderança no IBOPE. Continuar lendo

Bola do Pânico

Marcos Chiesa Birquenkisy

¤ 24/06/1967 –  † 14/05/2010
Mais um ‘Bola do Pânico’

Epitáfio: “É possível descobrir mais sobre uma pessoa
numa hora de brincadeira do que num ano de conversa
.” (Platão)

Para tecer palavras sobre este senhor, precisei ir à presença de meus gurus e com eles meditar sobre muitas questões, pois a minha opinião estava definitivamente aprisionada pelo sólido conceito de que o Bola do Pânico (Boleta, ou apenas Bola) não pode ser definido como outra coisa senão o pobre Marcos Chiesa Birquenkisy. É uma questão filosófica. Continuar lendo

Ângela Bismarchi

Ângela Filgueira dos Santos

¤ 05/11/1972 –  † 10/05/2010
Virgem recondicionada

Epitáfio: “Eu, que só faço cirurgias bonitas, bem sucedidas,
nunca faria uma operação para me deformar

(a própria, em entrevista ao portal eBand em Jan/2010)

Não é fácil, não é fácil… E agora virei vidraça da turminha deslumbrada que adora tropeçar num arremedo de celebridade no restaurante, no avião ou no hotel pra se descabelar em pedidos de autógrafos e fotografias no celular ‘MP-tudo’. Continuar lendo

Gretchen

Maria Odete Brito de Miranda

¤ 29/05/1959 –  † 28/04/2010
Pioneira do setor retro-rebolativo

Epitáfio: “Em questões de dinheiro temos todos a mesma religião”
(Voltaire)

Senão a primeira, certamente a mais célebre liquidificadora de virtudes construídas ainda nos tempos da televisão à lenha, Gretchen abriu as portas do inferno para uma nova fórmula de conteúdos cuja glorificação levaria o nível dos valores que se vende na telinha a rés-do-chão, se é que ali já não se encontravam. Continuar lendo