Angélica

Angélica Ksyvickis Huck

¤ 30/11/1973 – † 25/08/2011
Apresentadora backup

Epitáfio: “Muitos combatem a tirania apenas para
que possam estabelecer a sua própria.”
(Platão)

Mais que ferida exposta da passividade dos nativos da nação lucianohuckizada, cada uma das duas décadas da carreira de Angélica justifica por si a ascensão de tantas impostoras que sob a égide de sua irrelevância transitam impunes e vivem seus melhores dias ciscando aqui e ali. Continuar lendo

Wanessa Camargo

Wanessa Godói Camargo Buaiz

¤ 28/12/1982 –  † 18/03/2010
Filha do Zezé

Epitáfio: “Para conhecermos os amigos é necessário passar
pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e,
na desgraça, a qualidade deles
(Confúcio)

Herdar o talento artístico do pai (ou da mãe), ser introduzido no meio artístico por conta deste talento inato e de uma providencial e desejável “ajudinha” não deveria ser motivo de vergonha para ninguém. O problema com Wanessa (ex-Camargo) é que mesmo não tendo o que herdar de seu pai além do sobrenome, não desenvolveu suficientemente nenhuma habilidade que justificasse seu prolixo portifólio. Continuar lendo

Luciano Huck

Luciano Grostein Huck

¤ 03/09/1971 –  † 08/03/2010
Apresentador engajado

Epitáfio: “Quando uma bola de bilhar choca-se a outra,
a segunda ‘deve’ mover-se
(David Hume)

O infame Luciano Huck é testemunho de que o marquetim’ brasileiro, hoje controlado por uma meia dúzia de múmias paralizadas, continua girando em torno dos  ‘baratos’ e ‘viagens’ psicotrópicas dos quais essas mesmas múmias, já irremediavelmente afetadas pelas drogas, pela ganância ou pela vaidade, ainda não retornaram. Continuar lendo

Xuxa

Maria da Graça Meneghel

¤ 27/03/1963 –  † 19/01/2010
Duendóloga

Epitáfio: “A beneficência é sobretudo um vício do orgulho
e não uma virtude da alma”
(Marquês de Sade)

Quando penso em Xuxa e nas milhares de mentes definitivamente prejudicadas por suas pregações e seu exemplo entendo a amplitude do arregaço social pelo qual todos nós vimos pagando não apenas em impostos, mas também com a problemática da gravidez precoce, do inchaço populacional, dos bolsões de pobreza, do aumento da criminalidade, de nossa escancarada corrupção moral e política. Continuar lendo