Boninho

José Bonifácio Brasil de Oliveira

¤ 04/11/1961 – † 30/03/2011
Déspota multimídia

Epitáfio: “O que torna as pessoas sociáveis é a sua
incapacidade de suportar a solidão e, nela, a si mesmos.”

(Arthur Schopenhauer)

Com tantos anos de serviços prestados à frente de projetos de (f)utilidade similar ao Vídeo Show, Mais Você e Estrelas, Boninho – o filho do onipresente Boni – marcou a ferro em brasa as mentes danificadas que naturalmente herdará se os rios continuarem sua corrida para o mar. Continuar lendo

Gugu Liberato

Antônio Augusto de Moraes Liberato

¤ 10/04/1959 –  † 09/04/2010
Apresentador no armário

Epitáfio: “Dinheiro perdido, nada perdido;
saúde perdida, muito perdido; caráter perdido, tudo perdido.”
(Provérbio chinês)

Os três milhões de reais que Gugu passou a receber mensalmente desde sua transferência para a emissora do Bispo me convencem de que a recompensa pelo dano que se possa infligir à evolução cultural, intelectual ou de qualquer outra natureza – que seja – deste bravo povinho brasileiro é diretamente proporcional a eficácia dos atentados nesta intenção. Continuar lendo

Rubens Furlan

Rubens Furlan

¤ 12/12/1952 –  † 24/03/2010
Autor do “Manual Prático do Político Babaca Bipolar”

Epitáfio: “Babacas, sem talento! Um bando de babacas!

O rumoroso, e cômico não fosse trágico, caso do sumiço do aparelho de televisão doado à Secretaria de Educação de Barueri, divulgado na edição do Custe o Que Custar (Band) desta segunda-feira, 22, promoveu à celebridade do esgoto – de âmbito nacional – o prefeito da cidade, empresário Rubens Furlan. Continuar lendo

Otávio Mesquita

Otávio Zanetti Mesquita

¤ 20/06/1959 –  † 20/01/2010
À prova de audiência

Epitáfio: Morre à míngua aquele que não doma
os desatinos da longa língua
” (Anônimo)

Na impossibilidade de fazer bem feito alguma coisa, faça nas coxas várias coisas ao mesmo tempo. Isso dá, a quem lhe observa menos atentamente, a idéia de que você é muito competente e dinâmico. Além disso, não dá tempo para que as pessoas apontem (e riam de) seus fracassos menos relevantes. Continuar lendo

Faustão

Fausto Corrêa da Silva

¤ 02/05/1950 –  † 19/01/2010
O lambe-ovos

Epitáfio: “Por sobre meus ombros ergueram-se aqueles por quem fiz de minha mente, entranhas; e de entranhas, minha mente.”

Irmãos aqui reunidos! É triste que neste momento de dor para aqueles que amavam Faustão, nenhum daqueles que de seus préstimos se utilizou para sorver o doce mel de alguns minutos de fama dominical se disponha a falar, em meu lugar, sobre a glória e o apogeu deste que já tarde se vai. Continuar lendo